Vereadores de Arapiraca aprovam projeto de reajuste na contribuição para custeio de iluminação pública.

Projeto enviado pelo prefeito Rogério Teófilo para o legislativo municipal.

Por Ranjelio 30/12/2017 - 07:05 hs
Foto: Assessoria

Em sessão extraordinária, com a presença da população arapiraquense, a Câmara de Vereadores votou, na tarde desta terça-feira (29), o reajuste na contribuição para custeio de iluminação pública da cidade. Projeto enviado pelo prefeito Rogério Teófilo para o legislativo municipal.
De acordo com a proposta, ficam os seguintes valores para os proprietários ou responsáveis por imóveis: até cinco metros paga-se R$48,00 por ano, entre 6 e 10 metros são R$ 84,00 anual, entre 11 e 20 metros o proprietário deve pagar R$120,00 por ano. Ainda de acordo com o projeto, os contribuintes que possuírem imóveis entre 12 e 30 metros deve pagar R$ 160,00 anual e, por fim, imóveis acima de 30 metros, o proprietário para R$ 200,00 por ano.
A votação do projetou foi bastante acalorada, mas foi aprovada com cinco reprovações e uma abstenção. Os vereadores Moisés Machado (PDT), Rogério Nezinho (MDB), Sérgio do Sindicato (PPS), Léo Saturnino (MDB) e Fábio Henrique (PC do B) votaram contra o projeto, segundo eles, a proposta deveria ser discutida, amplamente, com a sociedade arapiraquense, em uma audiência pública. O Fabiano Leão (MDB) se absteve de votar.
Também foram votados e aprovados projetos que estabelece incentivos para fiscais municipais, crédito adicional para a Secretaria de Esporte e Lazer e um Projeto da Política de Saneamento Básico da cidade.
Professora Graça agradeceu a presença do público e aproveitou o momento desejar um Feliz Ano Novo, tantos aos demais vereadores, como ao próprio público, que acompanhou a última reunião do ano de 2017, no prédio que fica localizado na Avenida Rio Branco, centro de Arapiraca. As sessões de 2018 já iniciarão na nova sede do Poder Legislativo, na antiga Escola de Governo, no bairro Santa Edwiges.
A sessão contou com a presença dos vereadores Professora Graça, Moisés Machado, Melquisedec de Oliveira, Fabiano Leão, Gilvânia Barros, Dr. Fabiano Leão (PMDB), Sinielza Pessoa, Léo Saturnino, Fábio Henrique, Pablo Fênix, Thiago ML, Rogério Nezinho, Sérgio do Sindicato, Willomaks da Saúde, Jairo Barros e Pastor Marcos Caetano. O vereador Edvanio do Zé Baixinho não participou da sessão.