[Vídeo] Jovem que sofreu AVC após dar à luz a primeira filha precisa de ajuda

Eduarda Fabiana e o marido Ari dos Santos, conhecido por Guilherme, residem no bairro Brasiliana

Por Chrislayne 30/09/2020 - 15:21 hs
Foto: Jânio Barbosa/7segundos
[Vídeo] Jovem que sofreu AVC após dar à luz a primeira filha precisa de ajuda
Eduarda Fabiana da Silva Santos e o esposo conhecido por Guilherme

A jovem Eduarda Fabiana da Silva Santos, 17 anos, residente à Rua Maurício Pereira,  no bairro Brasiliana, em Arapiraca, no Agreste do Estado, enfrenta um drama pessoal. Cerca de 30 dias após dar à luz a sua primeira filha, Arielly Vitória, ela teve um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Está sem andar, tem dificuldade para falar e depende do esposo Ari Santos dos Anjos, 23 anos, conhecido por Guilherme. Ele está impossibilitado de trabalhar para cuidar da esposa. Com isso, está havendo uma mobilização para ajudar o casal.

A criança, agora com três meses, está sendo cuidada pela avó de Eduarda. A reportagem do portal 7segundos esteve na residência do casal e conversou com Ari dos Santos. Ele revelou que o bebê nasceu de forma prematura, quando a esposa estava no oitavo mês de gravidez. “Quando ocorreu o problema, ela estava na cama com a filhinha nos braços”, disse ele, acrescentando que o SAMU foi chamado e a mesma foi encaminhada para o Hospital Regional de Arapiraca.

Após cerca de um mês internada, Eduarda Fabiana voltou para a casa. “Ela voltou a falar só um pouquinho, mas com dificuldade. Ela consegue ficar em pé, mas não anda. O que eu mais quero é que ela levante dessa cadeira, volte a sua rotina, porque ela é uma mulher batalhadora. Eu, voltar a trabalhar. Ela, cuidar da minha filha. Eu quero voltar a trabalhar, para poder manter a casa, ter o aluguel certinho,” afirmou Ari- ou Guilherme- como é mais conhecido. Na dura rotina é feirante e também “cata papelão” para ajudar no sustento.

Ari Santos dos Anjos, o Guilherme, e Eduarda Fabiana da Silva Santos sonham ter um lar, onde não precisem pagar aluguel. Mas qualquer ajuda no momento é bem vinda, alimentos, leite e fraldas, por exemplo.

Quem quiser fazer alguma doação em dinheiro foi disponibilizada uma conta na Caixa Econômica Federal. Agência 0056, Operação 013, conta número 00028261-5. A conta é em nome de Lucicledja S Nascimento.

Contato para informações: (82) 99921.0406.

Veja a matéria original.