Em troca de tiros durante perseguição policial em Arapiraca, suspeito é baleado e morre.

Suspeito já havia sido preso por posse irregular de munição restrita e por integrar grupo criminoso suspeito de roubo a bancos.

Por Ranjelio 29/07/2020 - 21:07 hs
Foto: jaenoticia.com.br

O motorista que protagonizou uma perseguição policial no bairro Planalto, na manhã desta quarta-feira (29), em Arapiraca, foi baleado na troca de tiros com a Polícia Militar e morreu. A informação foi confirmada agora há pouco pelo Hospital de Emergência do Agreste. Marcelo Torres Pacheco, 43, chegou a ser socorrido pelos próprios policiais, mas acabou morrendo logo depois de dar entrada no hospital.

Marcelo Pacheco estava conduzindo um Ford Ka, de cor vermelha e placa NLX3E10, pela manhã e quando
uma viatura da Força Tarefa tentou fazer abordagem ao veículo, ele iniciou a fuga. Os militares acionaram o Batalhão que enviou mais sete viaturas e o helicóptero para auxiliar na perseguição policial.

Durante a tentativa de fuga, o acusado teria deflagrado disparos de arma de fogo na direção dos policiais, dando início a um tiroteio, em plena rua. Durante o revide dos policiais militares, ele foi atingido por um disparo e em seguida acabou colidindo o veículo contra a parede de uma residência. 

O acusado foi socorrido pelos próprios policiais que participaram da perseguição, mas não resistiu aos ferimentos. Há informações não confirmadas de que havia um passageiro no veículo, que não foi ferido.

O veículo, com a droga, foram conduzidos para a Central de Polícia de Arapiraca.

Foi identificado o homem que morreu em uma troca de tiros com a polícia, no final da manhã desta quarta-feira, 29, em Arapiraca. Ele estava em um veículo Ford Ka, de cor vermelha e placa NLX 3E10, e tentou fugir da abordagem policial.

O suspeito foi identificado como Marcelo Torres Pacheco, 43 anos. Ele era bem conhecido da polícia, pois já havia sido preso por posse irregular de munição de uso restrito, no momento ele estava com dezenas de munições Ponto 30. Ele também foi preso por integrar um grupo criminoso, com ramificações em outros Estados, suspeito de roubos em bancos no interior de Alagoas.

Nesta quarta-feira, 29, Marcelo Torres estava com grande quantidade de maconha na mala do carro, tentou fugir pelos bairro Bom Sucesso e Planalto, bateu o veículo no muro de um estabelecimento e ainda tentou se esconder em uma quitanda.

De acordo com informações de testemunhas, havia uma criança no carro de Marcelo Torres, o menino seria filho do suspeito. Ainda não há informações sobre para onde a criança foi levada.

Veja a matéria original.