Reviravolta eleitoral prestes a se concretizar em Arapiraca.

No momento, ambos se apresentam com pré-candidatos a Prefeito, cada qual em seus respectivos partidos.

Por Ranjelio 09/04/2020 - 15:50 hs
Foto: Arquivo Pessoal

Uma possível aliança entre a Vereadora Gilvânia Barros (SDD-77), e o líder comunitário Odilon Tenório (PMN-33) ambos pré-candidatos a Prefeitura de Arapiraca começa a ser ventilada no mercado político, considerando que a junção dos nomes poderá formar uma chapa imbatível na disputa, adversários temem que ela se concretize. 

Informação que chega aos bastidores políticos juntamente com os números de um levantamento para consumo interno, visando medir a aceitação junto ao eleitorado, que colocaria Gilvânia e Odilon com amplas vantagens de conquistar a Prefeitura da segunda maior cidade do estado, caso marchem juntos. 

No momento, ambos se apresentam com pré-candidatos a Prefeito, cada qual em seus respectivos partidos, porém nos bastidores da politica arapiraquense, começa a ventilar a possibilidade de união para formação das chapas majoritárias, que teria como cabeça Gilvânia e vice Odilon.

A união desses dois grupos políticos iria viabilizar a eleição de uma das maiores bancadas da Casa de Herbene Melo, visto que o PMN apresentará chapa completa com 29 nomes assim como o Solidariedade que segundo informações chegadas a este site, também poderá surpreender com sua chapa.

Seria a união de uma Vereadora sem macula alguma durante seus quatro mandatos com um líder comunitário que apesar de não possuir mandato eletivo, sempre se mostrou um bom articulador, principalmente no ultimo pleito onde elegeu um vereador com apenas mil votos.

Os concorrentes temem que essa junção se concretize pois de fato, ela poderá dar muita dor de cabeça aos demais concorrentes a Prefeitura.

Aguardemos as definições, uma coisa é certa, até as convenções muitos boatos sairão, o que só saberemos de fato quem é candidato ou não após as assinaturas das atas.

O Portal Arapiraca tentou contato com a assessoria de ambos os nomes citados porém não obteve retorno.